terça-feira, 8 de março de 2016

Flores de gelo, outra vez!


Um ano depois de ter aqui publicado um postal com o título "A arte mais pura", mostrando as chamadas "flores de gelo",  consegui observar o fenómeno outra vez!
Neste Inverno, todos os dias, ao levantar, olhei para as janelas do telhado, a ver se via as formações de gelo. O fenómeno é realmente raro, não basta haver gelo. A sua ocorrência depende de diversos factores, tais como temperatura, humidade, vento, estado da superfície da janela, etc. Por isso pode passar-se muito tempo sem se conseguir observar o fenómeno, pelo menos é assim nesta região.
Ontem tive sorte e a Mãe Natureza voltou a presentear-me com este espectáculo!
Mas, mais uma vez, houve pouco tempo para fotografar. 
O sol já batia na janela do lado sul e na do lado norte foi preciso trabalhar depressa e bem.
Parece fácil mas não é só disparar a máquina. Este tipo de imagens exige uma focagem que muitas vezes os sistemas automáticos não conseguem realizar muito bem.
Outra dificuldade acrescida é que é difícil encontrar um "fundo" escuro que faça salientar a beleza destas formações naturais.
No fim ainda fui até lá fora e captei mais algumas imagens dos vidros do carro e de um farol dianteiro.





 




Se eventualmente não repararam no link do antigo postal, onde expliquei com mais detalhe como se formam estas "flores de gelo", aqui fica o link mais uma vez:

4 comentários:

  1. Nem tenho palavras, as fotografias são maravilhosas :-)
    Por acaso, ainda não observei esse fenómeno nas minhas janelas. Deve ser por ter persianas...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Como disse, Cristina, mesmo aqui onde vivemos o fenómeno é bastante raro. Pode ser que noutro sítios aconteça mais.

      Eliminar
  2. Que fotos fabulosas!!!!!
    Nunca vi imagens assim “ao vivo”!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tem de se procurar todos os dias, Catarina :-) Uma das fotos foi publicada no último fim de semana num jornal da região :-)

      Eliminar