segunda-feira, 16 de maio de 2016

Transições


Este ano fotografei poucos dentes-de-leão, e já há poucos.
São fotografias de um passeio a pé pelas redondezas da nossa casa na semana passada.
Voltou o frio e é preciso camisola outra vez :-)

quinta-feira, 12 de maio de 2016

Foto do dia


Um campo de colza. 
Fotografia tirada hoje, perto de Oldenburg.

segunda-feira, 9 de maio de 2016

Trânsito de Mercúrio


Trânsito de Mercúrio é o nome dado à passagem do planeta Mercúrio entre o Sol e a Terra. 
Mercúrio é visto como um pequeno ponto escuro movendo-se pelo disco solar.
Os trânsitos de Mercúrio em relação à Terra são muito mais frequentes que os de Vénus, ocorrendo cerca de 13 ou 14 vezes a cada século, sempre nos meses de Maio ou Novembro. Uma das razões para esta frequência maior é o facto de o período da órbita de Mercúrio ser mais curto que o de Vénus.
O próximo trânsito é em 2019.
(Até aqui foi da Wikipédia)

As minhas imagens foram obtidas hoje, entre as 1315 e as 20 horas,  com o meu equipamento "low cost", uma objectiva um bocado "curta" mas que com um "crop" dá para ver assim-assim.
Sobrepus 10 imagens para se ter uma ideia do trajecto da passagem do planeta.
As outras manchas, que mantêm a posição, são manchas solares.
Foi preciso rodar um pouco algumas imagens, daí a imperfeição da "linha recta" do planeta.
Usei uma máquina Nikon D7000, objectiva 55-200 mm, nos 200 mm, velocidade 1/8000s e abertura f/16, ISO 100, e o mais importante de tudo, dois filtros ND (neutral density) que me permitiram cortar a luz cerca de 13 vezes. Só assim é possível fotografar o Sol, sem estragar a máquina ou causar sobre-exposição (que levaria a não se notar o minúsculo ponto do planeta).
Mais para o fim da tarde foi preciso ir compensando a exposição, baixando o valor da velocidade do obturador. 


Alguns truques: 
Com estes filtros ND a focagem e o controlo de exposição têm de ser em modo manual. 
Depois de obtida a posição certa coloquei fita cola no zoom e no anel de focagem :-)
O tripé não é fundamental visto que a velocidade do obturador é muito elevada, mas ajuda para se encontrar a posição certa!
Usei óculos de sol e também aqueles óculos especiais para ver o Sol nestas ocasiões.

Nota final: também podia ter pintado os pontinhos :-) mas não o fiz. Tirei  cerca de 70 fotografias das quais aproveitei as melhores.


domingo, 8 de maio de 2016

Na auto-estrada


No passado fim-de-semana viajámos por terras do Reino dos Países Baixos.
Depois mostrarei mais imagens do passeio. Para já ficam as impressões da viagem de ida, com tempo um pouco chuvoso. 
Tentei dar-lhes um toque especial com uma edição a P&B :-)

sexta-feira, 6 de maio de 2016

Fotos do dia


Hoje são joaninhas!
Pela primeira vez este ano o trabalho no jardim foi equipado com calções :-)
Vi tantas no nosso jardim que, com certeza, vamos ter mais fotografias de joaninhas nos próximos dias.


quinta-feira, 5 de maio de 2016

Fotos do dia


Fotos de hoje, tiradas no nosso passeio de bicicleta.
Hoje foi o feriado da Ascensão, também Dia do Pai aqui na Alemanha, esteve um dia com sol e temperatura muito amena, que convidou a um passeio de bicicleta, finalmente de manga curta :-)


quarta-feira, 4 de maio de 2016

Blogues mais seguros


Notícia de hoje:
"O" ou "a", (sei lá), Google, introduziu uma alteração nos blogues.
Todos os sites passam a poder ser acedidos por https, com ligação encriptada e portanto mais segura.
Já alterei as opções e se conseguiu aceder, e ler esta mensagem, é porque está tudo bem :-)

segunda-feira, 25 de abril de 2016

Primavera?


A foto do cabeçalho de Inverno era para ter sido mudada por já estarmos na Primavera, mas o tempo prega-nos partidas e hoje até nevou.
Não me lembro de quase no fim de Abril ter 2 graus, com chuva de neve e granizo.



Hoje em Leer, dentro do carro, estava assim e tirei este instantâneo com o tablet.

sábado, 9 de abril de 2016

Cenas da Frísia


Aqui ficam mais umas cenas rurais da Frísia de Leste. 
Foram tiradas há quase uma semana, num passeio de bicicleta por um dos nossos caminhos habituais.



quarta-feira, 6 de abril de 2016

Recomeçou a jardinagem


A Páscoa já lá vai e as temperaturas "positivaram" bastante.
Finalmente as noites com geada ficaram para trás e os vasos com roseiras, que estavam hibernados e tapados, já voltaram para o exterior.
A relva, quase só musgo depois de um longo e frio Inverno, também já começou a ser tratada.
Esta semana plantei uns narcisos e jacintos nos canteiros dos jardins.
Vou esperar uns dias para ficarem mais bonitos e tirar fotografias.
As flores são muito baratas, uns vasinhos com 4 ou 5 bolbos de narcisos ou jacintos custam 99 cêntimos.
Mas enquanto revolvia a terra foram aparecendo motivos para o fotógrafo :-)
Aqui ficam 2 macros.



sábado, 26 de março de 2016

Páscoa


O Domingo de Páscoa é sempre no Domingo seguinte à primeira lua cheia depois do Equinócio de Março.
Deu para entender? :-)
Ora se a Lua tivesse resolvido só "ficar cheia" daqui a 3 semanas a Páscoa seria em Abril :-)
Na realidade, e consoante os acontecimentos astronómicos, a Páscoa pode ocorrer entre os dias 22 de Março e 25 de Abril.
Páscoa Feliz!

sexta-feira, 18 de março de 2016

Adeus Inverno!


A maioria dirá que o começo da Primavera é no dia do equinócio de Março, no próximo domingo.
Os meteorologistas dizem que é no início de Março, depois de ficarem para trás os 3 meses de temperaturas médias mais frias.
Este ano os passarinhos começaram mais cedo a cantar de madrugada lá fora.
Dormimos quase sempre de janela aberta, mesmo no Inverno, e é um prazer ouvi-los aquando dos primeiros alvores.
Como tenho fotografias, e pude comparar com outros anos, notei que as flores estão a florir mais tarde, talvez porque apesar de não ter estado tanto frio tem havido menos sol. E muita geada!
Bem sei que a geada ainda não acabou, por isso algumas plantas permanecem no interior.
Mas para mim tenho um modo especial de saber quando começa a Primavera.
Foi há 2 dias, quando vi as primeiras formigas à porta da cozinha!
A Natureza não engana :-)
As rosas geladas não são destes últimos dias, foram fotografadas há cerca de um mês, mas não queria deixar estas imagens para o próximo ano. 
Estavam num jardim de um vizinho, sobreviveram ao Inverno mas não ao gelo e frio de há um mês.



terça-feira, 8 de março de 2016

Flores de gelo, outra vez!


Um ano depois de ter aqui publicado um postal com o título "A arte mais pura", mostrando as chamadas "flores de gelo",  consegui observar o fenómeno outra vez!
Neste Inverno, todos os dias, ao levantar, olhei para as janelas do telhado, a ver se via as formações de gelo. O fenómeno é realmente raro, não basta haver gelo. A sua ocorrência depende de diversos factores, tais como temperatura, humidade, vento, estado da superfície da janela, etc. Por isso pode passar-se muito tempo sem se conseguir observar o fenómeno, pelo menos é assim nesta região.
Ontem tive sorte e a Mãe Natureza voltou a presentear-me com este espectáculo!
Mas, mais uma vez, houve pouco tempo para fotografar. 
O sol já batia na janela do lado sul e na do lado norte foi preciso trabalhar depressa e bem.
Parece fácil mas não é só disparar a máquina. Este tipo de imagens exige uma focagem que muitas vezes os sistemas automáticos não conseguem realizar muito bem.
Outra dificuldade acrescida é que é difícil encontrar um "fundo" escuro que faça salientar a beleza destas formações naturais.
No fim ainda fui até lá fora e captei mais algumas imagens dos vidros do carro e de um farol dianteiro.


quarta-feira, 2 de março de 2016

Manhã de nevoeiro



Estava frio, um grau positivo, mas nestas manhãs de nevoeiro, quando o sol começa a abrir, vale a pena ir de bicicleta pelos campos para captar a beleza natural da Frísia.
A colecção é quase toda de HDR verdadeiros, com várias exposições de luz. 


segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2016

O Caminho...


Por favor deixem a música tocar e leiam o resto...

Hoje de manhã, não me vesti a condizer para ir de bicicleta comprar o pão como é costume.
Tal como ontem também hoje parecia que experimentávamos todas as estações do ano no mesmo dia. Ora fez sol, ora nevou, ora choveu granizo, depois fez sol outra vez, e assim por diante. Pelo menos, o gelo e a neve não ficaram muito tempo :-)
Então decidi ir de carro. A padaria é perto, a menos de 5 minutos.
Quando lá cheguei a Frau Fischer que já me conhece, retribuiu a saudação matinal e perguntou sorridente, "um pão "Feuerkruste" cortado fininho, não é?".
É bom ser recebido assim, e ser servido assim.
Na Alemanha os clientes habituais são chamados de Stammkunden e têm direito a estas atenções especiais :-)
Depois de um "Feuerkruste", duas bolinhas com sementes e um "croissant" (coisa que pronuncio de um modo que os alemães nunca me entendem à primeira, e ainda não percebi porquê :-), regressei pelo caminho habitual.
Liguei o rádio do carro, numa estação de musica clássica, e de repente dou por mim a passar pelos campos pintados de branco e a ouvir Meditation da opera Thais, de Jules Massenet.
Estava no paraíso!



Mais tarde partilhei por email o meu começo de manhã com alguns amigos, e gostaria de também partilhar convosco o comentário que o meu amigo Manuel Maria fez sobre a minha história de hoje:

"Vejo nesses breves mas intensos momentos do dia a dia (desde o gesto e atitude da padeira até aos acordes de um Massenet), com a companhia e harmonia cúmplice de um cenário natural raro, o verdadeiro e genuíno rosto do que é a Felicidade.
Alguém disse, e bem, que não é a meta mas sim o caminho."



Sim, acho que é um caminho ... e também uma escolha.
Obrigado Manuel Maria, pelas beleza das tuas palavras e pela tua amizade. 
Um grande abraço para ti.

terça-feira, 9 de fevereiro de 2016

Inverno em Evenburg


Há algumas semanas, quando aqui tivemos neve e gelo, fomos até ao Castelo de Evenburg.
Já tenho aqui mostrado este local que, seja qual for a estação do ano, é sempre um dos locais mais bonitos desta região. 
Não precisa de muitas palavras, acho que as imagens são o melhor testemunho.


domingo, 7 de fevereiro de 2016

Resposta fácil?

Às vezes oiço na NDR, a emissora estatal de rádio e televisão da Baixa-Saxónia, as perguntas de um concurso sobre este estado.
E há algum tempo guardei uma pergunta que achei muito interessante.
Com quantos estados o estado da Baixa-Saxónia tem fronteiras?
Três, seis ou nove?
A resposta tinha de ser rápida pois ganhava quem tivesse o máximo de respostas certas em pouco tempo.
Já respondeu?
Então pode passar à página seguinte.

terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

A profecia da marmota


Ouvi hoje na rádio esta notícia maravilhosa:
A famosa marmota Phil de Punxsutawney profetizou que este ano vamos ter a Primavera mais cedo!
A bem dizer não me devia entusiasmar tanto porque não sei se as profecias da marmota só funcionam para a América do Norte :-)


segunda-feira, 1 de fevereiro de 2016

Há quanto tempo não muda as suas palavras-passe?


Há um dia mundial para quase tudo.
Hoje é o dia para mudar as passwords!
Há quanto tempo não muda as suas?
Ena, tanto! Então aproveite hoje :-)

Link: dont-change-your-password

domingo, 24 de janeiro de 2016

A beleza do Inverno (2)


A neve e o gelo já quase derreteram mas ainda há fotografias :-)



quinta-feira, 21 de janeiro de 2016

A beleza do Inverno (1)


Na noite passada as temperaturas chegaram aos 9 graus negativos e hoje as árvores mostraram-se cobertas de gelo.
Como desde ontem não nevou, estive livre e dei um passeio pelo bairro.
Esta primeira série tem fotografias tiradas aqui bem perto da nossa casa.


segunda-feira, 18 de janeiro de 2016

7 anos de blogue!


Parece que foi ontem, mas já passaram 7 anos desde que escrevi o primeiro post neste blogue.
Escusam de ir à procura do primeiro post porque já foi apagado. Acontece que em tempos fiz uma escolha e apaguei muitos posts.
Sei que o blogue não tem tido a regularidade e atenção merecida, mas sou homem de muitos ofícios e às vezes outras prioridades deixam o blogue para trás.
Não vos sei dizer quantas vezes já estive para aqui vos deixar um adeus e dar por terminado o blogue. Ainda bem que não o fiz.
Agradeço aos bons amigos que me foram incentivando e convencendo a não o fazer.
Agradeço também a todos os que visitam o blogue e em especial aos que têm seguido e comentado.
Pela minha parte prometo ir escrevendo e mostrando mais fotografias :-)
Um grande abraço!

domingo, 17 de janeiro de 2016

Passeio de Domingo


Depois da neve veio o sol.
Esteve um Domingo cheio de luz, a pedir um longo passeio a pé.
A neve deve manter-se por uns dias pois as temperaturas vão permanecer negativas. 

sábado, 16 de janeiro de 2016

terça-feira, 5 de janeiro de 2016

Isolados!


Ficámos isolados!
Não tanto pela quantidade de neve mas as condições atmosféricas permitiram que se formasse uma camada de gelo nas casas, ruas e carros.
Hoje de manhã tentei limpar o gelo do carro mas não consigo.
A camada de gelo, com quase meio centímetro de espessura, é muito difícil de raspar.
Também as ruas, (exceptuando a nossa entrada e poucas mais, que levaram sal), estão cobertas de gelo e por isso mesmo andar a pé fica muito perigoso. Só mesmo para quem precisa!
Ontem, aqui bem perto de Leer, um comboio ficou retido por causa do gelo mais de 20 horas, o que obrigou a uma acção de apoio pelos bombeiros. 
Acho que vamos ter de esperar pelo menos 2 dias para poder sair de casa.

domingo, 3 de janeiro de 2016

É o Inverno!

Quase de repente passámos dos dois dígitos positivos para negativos.
A temperatura negativa é de 2 ou 3 graus mas com o índice de resfriamento pelo vento (wind chill factor, em inglês) a nossa pele sente como se estivessem 10 ou mais graus negativos!
Lá vem o gelo e é preciso deitar sal nos caminhos para não se escorregar...
Coisas do dia-a-dia do Inverno nestes climas.

 O caminho do lado esquerdo já foi "borrifado" com sal

sábado, 2 de janeiro de 2016

Só apanhei as canas


A expressão é conhecida: Lançar foguetes, fazer a festa e apanhar as canas!
Foi uma passagem de ano sossegada, não fora a habitual festa dos vizinhos, um pouco pelo bairro e bairros vizinhos.
Aqui na Alemanha não é proibido o lançamento de foguetes por particulares nas datas festivas.
Nos supermercados podem ser comprados foguetes de todas as espécies.
O problema está na porcaria após a festa. O que fica à frente de cada porta tem de ser limpo e as canas (e outros restos dos foguetes) não escolhem a porta ou jardim de quem os lançou :-)
Ontem demos um passeio a pé pelo bairro e notei que em relação a anos anteriores as ruas já estão mais limpas. Houve um ano em que passámos numa rua onde parecia ter havido uma batalha de foguetes.
Desejo um bom ano  para todos os amigos que visitam o meu blogue!