quinta-feira, 31 de dezembro de 2009

Guten Rutsch




Guten Rutsch significa "Boa escorregadela" ou "Bom deslize" para o novo ano.
É uma expressão relacionada com  o deslizar dos trenós e é muito utilizada pelos alemães quando desejam boas entradas para o novo ano.
Também para os leitores (amigos e desconhecidos) do blogue os meus votos de entrada no novo ano deslizando bem (julgo que o termo alemão tem também um segundo significado) e com muita alegria.
O resto é o que for.
:-)
 

segunda-feira, 28 de dezembro de 2009

Os Contos de Grimm

Os irmãos Grimm são conhecidos pelas histórias de encantar para crianças.
Nascidos em 1785 e 1786, Jacob e Wilhelm ganharam notoriedade pela sua colectânea de fábulas baseadas nos contos populares.
Além das fábulas mais conhecidas como "Branca de Neve", "Gata Borralheira", "Hansel e Gretel", "Príncipe Sapo" e muitas outras, os irmãos Grimm deram contributos académicos muito importantes para a língua alemã, sendo os seus contos, uma gramática e um extenso dicionário factores importantes de unificação da língua e do povo alemão.
Todos os anos na Feira de Natal de Leer são expostas umas barraquinhas que ilustram alguns contos de Grimm.
Aproveitei e fiz um pequeno álbum que pode ser visto clicando aqui.

O Príncipe Sapo

A Bruxa de Hansel e Gretel

sexta-feira, 25 de dezembro de 2009

Fotografias deste Natal



Acabei de compilar algumas fotografias do Natal deste ano.
Clicar aqui para ver o álbum completo.
Ficam ainda para mostrar mais algumas que irei acrescentar em breve. E também fotografias da neve, que a partir de amanhã deverá começar a derreter... 

quarta-feira, 23 de dezembro de 2009

Natal branco



Embora as temperaturas já não estejam negativas, a neve e o gelo ainda se devem manter por mais uns dias. O suficiente para este Natal ser branco e com outro encanto.
Dei uma volta pelo bairro e captei o ambiente nocturno com algumas decorações de Natal.
Desejo a todos os leitores deste blogue um Feliz Natal.


O Pai Natal deve estar lá dentro a aquecer-se e deixou a rena e o trenó cá fora ao frio ...


Um pormenor interessante e muito típico da região: do lado esquerdo da árvore de Natal estão duas casinhas para abrigo de passarinhos.

terça-feira, 22 de dezembro de 2009

Menino Jesus, Pais Natal e companhia...


Imagem da Wikipedia - Merry Old Santa Claus,  de Thomas Nast (1881)

Quando eu era criança falava-se que na noite de Natal vinha o Menino Jesus e deixava as prendas às crianças bem comportadas. Depois, já não me recordo quando, começou a ser substituído pelo Pai Natal...
Ontem à tarde na televisão portuguesa um jornalista explicava que o Pai Natal tinha sido uma invenção da companhia Coca-Cola. Até parece fácil. Se alguém pesquisar um pouco mais percebe que não é.
Não fui ao fundo do tema, nem tenho pretensões de especialista, mas quando escrevi o postal sobre S.Nicolau apercebi-me de algumas coisas interessantes sobre os costumes do Pai Natal e Menino Jesus.

quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

Um passeio pela neve



Veio ontem, conforme estava anunciada.
Chegou tímida mas hoje de manhã não parou. Ao contrário do que muitos possam pensar é coisa pouco frequente por estas paragens. Ainda que mais a Norte, as terras baixas (1 metro abaixo do mar) e a influência do mar não são regiões de muita neve.
Mas também não ficará muito tempo. No Natal já será só lama :-(.
Então há que aproveitar e dar um passeio pela neve...



quarta-feira, 16 de dezembro de 2009

Embarcações no Natal


Nada como encontrar a "Saudade" no porto de Leer...



Para um marinheiro há navios e embarcações. Barcos são os de papel.
Mas este hábito eu não conhecia: as embarcações no porto fluvial de Leer todas decoradas a preceito pelo Natal!



domingo, 13 de dezembro de 2009

Coroa de Advento



A Coroa de Advento (Adventskranz) é uma tradição cristã muito comum nos lares alemãos.
A coroa é feita de galhos sempre verdes entrelaçados, formando um círculo, no qual são colocadas 4 velas representando as 4 semanas do Advento. Em cada domingo acende-se uma nova vela; no 1° domingo uma, no segundo duas e assim por diante até serem acesas as 4 velas no 4° domingo do Advento.
Algumas fontes sugerem que a coroa de flores já era um símbolo cristão na Idade Média, outras que foi criada na Alemanha como um costume cristão apenas no século XVI, e outras que a grinalda foi inventada no século XIX. Esta última teoria dá os créditos a Johann Hinrich Wichern (1808-1881), um pastor protestante da Alemanha e pioneiro no trabalho de missão urbana entre os pobres, como o inventor da grinalda moderna.


(Foto obtida na internet, algures)

sexta-feira, 11 de dezembro de 2009

O alce mais divertido do Mundo



Já mostrei algumas barraquinhas das Feiras de Natal da região. Pois bem logo no primeiro Natal passado aqui, faz agora 3 anos, conheci um personagem muito divertido e que não deixa de me fascinar sempre que vou a Leer nesta época do Natal.
Apresento-vos o meu amigo Rudolph, o alce mais divertido do Mundo.
O bicho trabalha numa barraquinha de bebidas, daquelas que servem bebidas quentes, incluindo o Glühwein, o vinho quente com açúcar, aromatizado com canela e cravinho.
O artista está lá todo o dia numa janela por cima da barraca, sempre e a debitar canções de Natal. Nos intervalos para não cair na monotonia, faz conversa, fala sobre bebidas e doces de Natal. Tem a companhia de um galo como figurante, que de vez em quando cacareja.
O repertório do autómato muda de ano para ano, o que também não deixa de ser interessante.
Realmente o alce fascina-me pela piada e pela perfeição da sincronia dos movimentos da cabeça, boca e olhos com o som.
Ficam as ligações para 2 pequenos filmes (clicar aqui e aqui). Espero que consigam ver.


quarta-feira, 9 de dezembro de 2009

Feira de Natal de Aurich



Hoje foi aqui, na Feira de Natal de Aurich, cidade não muito longe de Leer.
Na praça principal da cidade com muita gente, música e animação, 3 carrosséis e uma roda gigante. E claro muitas barraquinhas!
Embora já me tenha habituado, é sempre extraordinário observar que mesmo com chuva este povo não desiste da festa.
 

segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

Weihnachtsmarkt

São as Feiras de Natal!
A partir do final de Novembro as feiras de Natal mudam a paisagem das cidades e vilas de toda a Alemanha. Pode-se dizer que o povo alemão inventa sempre motivos para ir para a rua festejar alguma coisa.  Mesmo com o Inverno, escuro e frio, o ambiente torna-se festivo e cheio de encanto e animação.
A origem destas feiras remonta ao séc. XV. Os largos ou ruas principais das cidades enchem-se de barraquinhas coloridas com comida, bebida, rifas, pequenas lembranças, etc. Não faltam as bebidas quentes como o café e o cacau mas também há o Glühwein, ou vinho quente, com pau de de canela, cravo-da-índia e açúcar.
Para os mais pequenos aparecem sempre os carrosséis e outras coisas do gosto da criançada.

A feira de Leer na rua principal

domingo, 6 de dezembro de 2009

Nikolaus

Mais uma tradição de Natal em muitos países europeus: o Nikolaus ou S. Nicolau.
Hoje, 6 de Dezembro é dia de S.Nicolau, bispo de Mira, na Turquia, que faleceu em 350 d.C, reconhecido pela caridade com as crianças.
Na noite de 5 para 6 de Dezembro as crianças deixam à porta uma bota bem limpa. Se durante o último ano se portaram bem o Nikolaus coloca na bota doces, nozes e pequenos brinquedos como recompensa, caso contrário deixa um pequeno molho de ramos de árvores atados, que simboliza o castigo (pelo chicote).
Claro que o Nikolaus tem ajudantes. Muito conhecido das crianças é também o Knecht Ruprecht, que aparece mascarrado com fuligem das chaminés, e traz consigo um molho de ramos para açoitar quem se portou mal.

sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

Weihnachtspyramiden

As Pirâmides de Natal (Weihnachtspyramiden) são elementos decorativos típicos da Alemanha, originais de Erzegebirge, uma região montanhosa entre a Alemanha e a República Checa.
Estas pirâmides consistem numa espécie de carrossel de madeira, com o interior decorado com diversos motivos de Natal (anjos, presépios, etc.). A pirâmide tem no seu topo superior uma hélice que faz rodar o carrossel devido ao ar quente ascendente de velas (normalmente 4) colocadas na parte inferior à volta da pirâmide.
Existem Pirâmides de Natal de muitos tipos e tamanhos, desde as mais pequenas utilizadas em casa até às de tamanho gigante colocadas nas feiras de Natal nas cidades e vilas alemãs. As utilizadas em casa podem ter vários andares, como se pode ver neste catálogo online (clicar aqui).

A Pirâmide de Natal na praça principal de Leer tem 13 metros de altura

quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

Adventskalender


O Advento é muito festejado pelos alemães. Não só pelo seu conteúdo religioso para os cristãos (advento significa chegada, neste caso de Jesus) em que é o tempo de preparação para o Natal, mas também pelos festejos que são tradicionais.
Além das típicas Feiras de Natal (Weihnachtsmärkte) que cada cidade costuma ter neste período e das quais falarei noutros postais há outras tradições relacionadas com o Advento que merecem destaque: os Calendários, as Coroas  e as Pirâmides do Advento.
Os Calendários do Advento (Adventskalender) são especialmente dedicados às crianças para poderem contar de maneira divertida os dias que antecedem o Natal.
O Adventskalender possui janelinhas numeradas de 1 a 24 e em cada uma há uma surpresa.


quarta-feira, 25 de novembro de 2009

O Museu de Neanderthal


 
Neanderthal à esquerda e Sapiens à direita

Mais uma lembrança do mês passado: ali bem perto de Düsseldorf, um pequeno desvio da auto-estrada e estamos no Museu de Neanderthal.
O Neandertal, em português Vale de Neander, é um pequeno vale do rio Düssel, no Estado alemão de Nordrhein-Westfalen.
Em 1903 uma reforma ortográfica da língua alemã modificou a escrita de Thal (vale) para Tal. O nome científico Homo neanderthalensis ou Homo sapiens neanderthalensis para o Homem de Neanderthal não foi modificado pela mudança, porque as regras de taxonomia mantêm a grafia do período da nomeação.

segunda-feira, 23 de novembro de 2009

Schwetzingen




Ficaram por referir alguns lugares do passeio no mês passado. Aqui fica uma pequena paragem para pequeno-almoço que se prolongou numa visita muito interessante.
Schwetzingen é uma pequena cidade situada na planície do Reno, perto das cidades de Mannheim e Heidelberg.
A atracção principal e símbolo da cidade é o palácio, que foi residência de Verão dos Príncipes Eleitores do Palatinado Carlos III Filipe e Carlos Teodoro. O edifício adquiriu a sua forma actual por ordem do Eleitor João Guilherme, segundo desenhos do arquitecto Johann Adam Breuning, entre 1700 e 1750.
Em 2007 foi proposto à UNESCO o reconhecimento do palácio de Schwetzingen como Património da Humanidade.
O palácio acolhe durante o Verão o "Schwetzinger Festspiele" (Festival de Schwetzingen), um importante evento de ópera e música clássica, cujos concertos decorrem no Rokokotheather (Teatro Rococó), jardins e outros salões do palácio.
Clicar aqui para aceder ao sítio oficial do palácio (em inglês).

sábado, 21 de novembro de 2009

A cidade prepara-se para o Natal


O mercado de Natal está pronto. A rua principal está repleta de barraquinhas de madeira para  o Weihnachtsmarkt, tão típico das cidades alemãs. Depois haverá fotografias do evento.
Por agora fica aqui um pequeno álbum com as fotografias de ontem.


segunda-feira, 9 de novembro de 2009

A queda do Muro

Hoje o postal tinha de ser sobre o Muro, claro!
No momento em que escrevo, decorrem as comemorações em Berlim. Foi bonito ver todos os altos dignitários de tantos países a baterem as palmas compassadas com o Berliner Luft do Plácido Domingo.
Estive ali há 30 anos, primeiro do lado de cá, depois passei de metro para o lado de lá, e fiz uma curta visita de algumas horas apenas.
Voltei a Berlim há 3 anos. Nestas fotografias, que tirei em 2006, podem ver-se no chão as marcas por onde "passava" o Muro.


sábado, 7 de novembro de 2009

Estacionamento a 5 cêntimos




Ontem à tarde em Aurich (Auerk, em Plattdeutsch), uma cidade fundada no século XIII.
Quando paguei o estacionamento, o preço de 5 cêntimos para meia hora fez-me lembrar o tempo, há 40 anos, quando eu vendia gelados a 5 e 10 tostões...
Talvez por isso não se vêem carros mal estacionados :-)
Mas também para isso acontecer é preciso que as cidades cresçam com espaços (verdes e outros para lazer ou estacionamento) e não completamente preenchidas com prédios ou centros comerciais.

terça-feira, 3 de novembro de 2009

Até os cães sabem ler...


Uma das coisas que mais admiro na Alemanha é que até os cães parecem saber ler...
Agora deixando de brincadeiras, é muito frequente este tipo de sinalética para os cães (no caso de os donos não perceberem).
Em muitos locais (lojas, restaurantes, etc.) os fieis amigos podem entrar. Note-se que neste supermercado  (da primeira fotografia) está bem claro o aviso para os caninos "Nós devemos ficar cá fora"  ("Wir müssen draußen bleiben)". No entanto como compensação pelo incómodo existe uma estação de reabastecimento de líquidos a apenas 15 metros do lado esquerdo da porta.
E lá estava a estação de serviço para os cães!
Como já expliquei noutro postal: cão é quase gente, até paga impostos!
Fotografia puxa outra fotografia. Acabei por criar um álbum sobre a "Vida de Cão" (clicar para ver).


Estação de serviço para cães


Interior de uma loja de pronto-a-vestir, onde bicho se comporta como gente...

quarta-feira, 28 de outubro de 2009

O Outono abrandou o passo

O Outono fez questão em andar mais devagar esta semana.
Hoje em Leer não estiveram os 26 graus de Portugal, talvez metade. Mas os alemães adoram saborear o ar fresco. Não precisa de estar calor, basta algum Sol e vêm todos para a rua.
As esplanadas têm logo clientes. E estão devidamente equipadas: nas fotografias podem ver-se cobertores nas cadeiras.

quinta-feira, 15 de outubro de 2009

Aguarelas

Aguarela e caneta (Julho, 2009), em papel Fabriano 30x25 cm, 300 g/cm2

O postal de hoje não é fotográfico. Troquei as fotografias pelas minhas aguarelas.
Em honra dos meus amigos aguarelistas Paulo e Júlio aqui ficam as ligações para os seus blogues, onde se podem apreciar excelentes aguarelas.
O Paulo, tal como ele diz, gosta de pintar lugares imaginários, inspirados pelas paisagens, arquitecturas e modos de vida tradicionais em vias de desaparecimento no nosso País.
O Júlio, que vive do outro do Atlântico, gosta de pintar aguarelas de belos locais do nosso Portugal. E também de outros lugares do outro lado do Mundo.
O melhor é, quem desejar, dar lá um salto (clicando nos nomes) e apreciar por si estes dois artistas com tenho tenho o prazer de permutar visitas no ciberespaço.
E como estou a falar de aguarelas, deixo-vos com outro dos meus últimos trabalhos.

Aguarela (Agosto, 2009), em papel Fabriano 40x30 cm, 300 g/cm2

sexta-feira, 9 de outubro de 2009

Mannheim

Wasserturm (Torre de Água) e jardim na Friedrichsplatz, em estilos neo-barroco e Jungendstil (Art Nouveau), é um dos locais mais emblemáticos da cidade


Mannheim, na confluência dos rios Neckar e Reno, cidade principal de uma zona industrial intensa, tem uma população de 23 por cento de estrangeiros, sendo muitos alemães descendentes de emigrantes, principalmente da Turquia. Na zona central de Mannheim a percentagem de estrangeiros ou população com ascendência de emigrantes sobre para 38 por cento.
O centro da cidade tem uma construção em quadrado, com os quarteirões numerados por letras e números (as ruas não têm nome), ao contrário do que é normal nas outras cidades alemãs. O início deste projecto de construção em quadrado da cidade remonta ao século XVII, com o príncipe-eleitor Frederico IV. Este tipo de construção foi também o que o Marquês de Pombal seguiu para a reconstrução do centro de Lisboa depois do terramoto de 1755.

Lado a lado a mesquita e a igreja erguem-se na noite majestosamente iluminadas.

A mesquita Sultão Selim I (Yavuz-Sultan-Selim), com capacidade para 2500 fiéis, foi até Outubro de 2008 a maior mesquita da Alemanha. Actualmente a maior é a mesquita de Duisburg.
A Igreja da Nossa Senhora (Liebfrauenkirche) ergue-se do outro da rua, sendo um local de culto católico e protestante.

Nikolaikirche

Igreja de São Nicolau, em Leipzig

Foi aqui faz hoje 20 anos que "o muro começou a cair". (clicar para ler notícia na DW).
Quando em 2006 entrei pela primeira vez na igreja de São Nicolau em Leipzig senti que era uma igreja diferente. Tem um ambiente mais leve, com muita luz e cores claras. As suas colunas são palmeiras, e acho que foi talvez esta característica que mais me impressionou.
Embora a igreja seja evangélica desde a reforma protestante no início do século XVI também são autorizadas missas católicas no seu interior.
Clicar aqui para ver o meu álbum com fotografias de Leipzig.

quarta-feira, 7 de outubro de 2009

Speyer

Civitas Nemetum foi o seu primeiro nome, com origem numa tribo teutónica. Por volta de 150 dC Speyer chamava-se Noviomagus. O nome actual aparece como sendo sede de diocese em 346 dC.
A cidade teve importância cultural e histórica ao longo de vários séculos, especialmente no século XVI. Para comprovar essa relevância, por exemplo, das 30 dietas imperiais ( assembleias dos diversos estados que compunham o império) que se realizaram nesse século, 5 tiveram lugar em Speyer.
Na segunda Dieta de Speyer (1529) um grupo de príncipes e representantes de 15 cidades imperiais assinaram um protesto contra o Edital de Worms, (que em 1521 tinha proibido os ensinamentos luteranos no Sacro Império Romano-Germânico). Foi assim que surgiu a palavra protestantes, com o significado religioso que tem hoje para os católicos.
Desta vez a visita a amigos em Speyer foi tão curta que não deu para tirar fotografias da cidade, mas redescobri algumas fotografias de outra visita, em especial da Catedral de Speyer, que é realmente um monumento impressionante.
A catedral, em estilo românico, encontra-se na lista dos monumentos culturais da UNESCO.
Deixo aqui a ligação para um pequeno álbum com fotografias e também para a Wikipedia em inglês (texto mais completo) e em português (texto mais resumido).
Além da catedral, Speyer tem ainda um interessante museu técnico, que expõe máquinas e outros objectos com interesse tecnológico (aeronaves, locomotivas, automóveis, etc.) entre os quais um Boeing 747 e um submarino U9.
Por tudo isto, e também pela beleza da cidade, situada na margem esquerda do Reno (do outro lado fica o circuito de corridas de automóveis de Hockenheim), vale a pena a visita a Speyer.

sexta-feira, 2 de outubro de 2009

Jardins diferentes

Aqui na Frísia de Leste (Ostfriesland) é usual as pessoas decorarem os jardins nas semanas de aniversários (por idade, casamentos, passagem à reforma, etc.), com temas alusivos aos aniversariantes e às suas profissões ou passatempos.
Clicar aqui para ver o álbum com fotografias de alguns desses jardins.

sábado, 26 de setembro de 2009

Boletim de voto

Exemplo do boletim do círculo eleitoral nº 126. São 27 partidos.

O boletim de voto das eleições para o Parlamento Federal da Alemanha (Bundestag) é um pouco diferente do modelo usado em Portugal.
Aqui os eleitores dispõem de 2 votos: na primeira coluna votam o candidato, na segunda votam o partido.
Por isso até pode acontecer que alguns eleitores votem com o primeiro voto num candidato de partido diferente do partido em que votam no segundo voto.
O apuramento dos resultados não será assim de modo tão simples como vou explicar mas em princípio os candidatos eleitos pelo primeiro voto têm acesso directo ao parlamento, independentemente da sua posição nas listas dos partidos.
Há 299 círculos eleitorais e os candidatos mais votados em cada círculo irão ocupar os primeiros 299 lugares dos 614 deputados.